terça-feira, 8 de janeiro de 2013

VERDADE OU WHAT?




Nem todos estão preparados para ouvir a verdade. Uns porque são vaidosos demais para tal, outros porque preferem as ilusões.

Eu, por minha vez, não posso condenar, pois a verdade nua e crua pode ser impiedosa, cruel e dilacerante.

Por isso tenho muito cuidado ao dar a minha opinião quando eu sei que a pessoa não está preparada para a verdade. Mas isso não quer dizer que eu minta. Isso nunca. Fico-me pelas meias palavras, sou mais subtil, procuro fazer ver o lado positivo das coisas, etc.

As vezes até pode funcionar melhor do que simplesmente despejar o entulho da verdade em cima da pessoa que ainda não se recuperou do baque.

Claro que isso depende e varia, conforme os casos. Há situações mais delicadas, que requerem mais tato, mais tempo para serem assimiladas, e é preciso saber esperar.

Agora, quando a pessoa simplesmente escolhe se enganar, e isso já dura há meses (por exemplo), aí não tem jeito. Porque amigo que é amigo tem que saber agir nessa hora. E então, chega de subtilezas, de escolher cada palavra. Aí tem ser tudo na lata mesmo.

Num primeiro momento, seu amigo vai te odiar. Vai achar que você também está conspirando contra ele. Que quer ver seu mal. Vai achar que está com inveja e outras coisas mais que costumam ser sentidas e pensadas para continuar a não enfrentar o que está bem diante dos olhos.

Mas, fique tranquilo. Regra geral, esse amigo irá se dar conta, pois a verdade sempre vem a tona, e então irá procurá-lo para lhe agradecer por ter sido um amigo de verdade. Um companheiro. Um parceiro. E ter demonstrado que só queria o bem dele.

Então, meus amores, se vocês estão nessa situação, entre a espada e a parede, divididos entre contar ou não de uma vez aquela bomba atômica, keep calm. Isso mesmo. Mantenham a calma. Procurem ajudar estando presentes, mostrando por vários meios que existe sempre um lado bom, e outro ângulo por onde olhar as coisas. E se isso não resultar, e a sua intenção for pura e bondosa, chute logo o balde.

Lágrimas vão rolar, sonhos vão se acabar e corações vão sangrar. Mas apesar disso valerá a pena, pois depois de seu amigo passar por tudo isso, ele será um novo homem (mulher) e sairá da situação fortalecido.

Porque, vamos combinar? Eu prefiro uma verdade que me fira, do que uma mentira que me iluda. A ilusão, meus amores, faz perder anos preciosos de vida. Tá certo, isso? Me falem.

Beijooooo na sua alma com todo o meu coração ... e verdade.



p.s. imagem da internet

Um comentário:

Dama de Cinzas disse...

Acho que existem verdades necessárias e verdades inúteis. As inúteis normalmente não digo, ou quando digo é porque a pessoa praticamente pediu para ouvir... rs.

No mais acho que vale a pena usar o bom senso na hora de dizer algo para alguém, tenha intimidade ou não com a pessoa.

Beijocas

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...