quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

VOCÊ ACEITA BEM A VERDADE?



Sabem aquelas pessoas que apesar de todas as evidências, preferem continuar perdidas no mundo da ilusão? Que mesmo tendo todos e mais alguns motivos para acreditar, preferem ignorar tudo isso e fazer de conta que o que elas gostariam que fosse, é o que é? E pior, quando alguém lhes tenta abrir os olhos elas reagem negativamente como se estivéssemos propositalmente a querer causar-lhes dor e desconforto emocional?
O pior é que algumas dessas mesmas pessoas chegam a ser neuróticas e a ter manias estranhas como a de perseguição, pois estando tão convencidas daquilo em que "só" elas acreditam, podem até insinuar que ao revelarmos a tal verdade estamos a fazê-lo não porque somos amigos de verdade, mas porque no fundo queremos o seu mal.
Nossa, assim fica complicado, concordam?
Como agir nesses casos?
Eu, particularmente, prefiro sempre saber a verdade. Sou a favor da sinceridade, da frontalidade, da honestidade, enfim, e não gostaria de ser enganada, ser feita de estúpida e ainda por cima chamada de otária por todo mundo. Por essa razão, faço com os outros o que gostaria que fizessem comigo.
Claro que cada caso é um caso, e certas verdades, em especial quando a gente gosta de alguém, temos que dizer com cuidado, da maneira certa e no ambiente adequado. Tudo isso por respeito a pessoa em questão. Só que mesmo assim, certas pessoas reagem mal ao conhecimento da verdade e quando vamos ver, lá está ela de novo, como se apenas tivesse sonhado com todas as palavras que escolhemos com carinho e cuidado para a alertar para o que quer que seja.
Perante isso, e principalmente depois de uma, duas, três vezes, eu, pessoalmente, escolho permanecer calada. Deixar que sozinha essa tal pessoa um dia veja tudo que tentei mostrar, com o único intuito de evitar o seu sofrimento, ou abrevia-lo, fazê-la acordar para a vida, para a realidade e segurar nas próprias mãos o leque de opções de felicidade diante dos seus olhos. Tudo isso ao invés de viver uma vida limitada por uma teia de mentiras.
Acho triste e deprimente quando uma pessoa não aceita as coisas como elas são, porque está apenas a dificultar o próprio caminho rumo a evolução. 
No entanto, cada pessoa tem o seu próprio tempo e por mais que nos custe, como amigos, irmãos, pais ou filhos, muitas vezes é preciso "abandonar" essas pessoas a sua própria sorte porque não há nada que possamos dizer ou fazer que realmente surta algum efeito. Não dá para obrigar ninguém a olhar para a Luz.
É nosso dever, creio eu, tentar fazer isso. Mas na ausência de resultados satisfatórios, e ainda correndo o risco de perder a amizade dessa pessoa, o melhor é mesmo deixar tudo nas mãos de Deus. Simplesmente, porque há coisas que não estão ao nosso alcance resolver. Uma delas, é a vida dos outros, por mais que a gente deseje ajudar.
E você, querido leitor, aceita bem a verdade ou nem por isso?
Beijo na sua alma.


P.S. imagem retirada da internet.

9 comentários:

Rosalino disse...

Tambem sou um abnegado pela verdade e frontalidade.
Acredito que mais vale ser sincero que escamotear a verdade que mais tarde ou mais cedo irá sbir a superficie.
E aí as causas por vezes são bem piores.

Mas deixa-me sempre intrigado a maneira como muitas vezes certas pessoas dizem as verdades.

Pois ser verdadeiro não é deixar que a nossa boca debite verdade sem que o coração ajude a duçar a maneira de o dizer.

Sinto sempre um certo receio quando as pessoas dizem que falam na cara as coisas.
Pois não sei como as vão dizer.
A sensibilidade também faz parte de uma boa maneira de dizer as verdades.

Rosalino

Maria José disse...

Amiga. Aceitar a verdade é o único caminho para o autoconhecimento e consequente autodesenvolvimento. Bela postagem. Beijos.

Angel disse...

Rosalino, sem dúvida alguma.
Ser verdadeiro não é sinónimo de ser insensível, inconsequentemente, inoportuno e muito menos grosseiro.
Fica em paz, caro amigo.
Angel.

Angel disse...

Amiga Maria, falou tudo.
Beijo meu.
Angel.

Mafalda S. disse...

Honestamente conheço muita gente assim, o que me deixa francamente triste. Mas ninguém pode mudar só porque eu quero. Terá de ser essa pessoa a querer dar o primeiro passo. Quanto muito, posso tentar mudar alguém pelo exemplo. Mas nem sempre é fácil.

Também prefiro a verdade.

Beijinhos

Zilda Santiago disse...

Gosto da verdade ,sem esquecer que nem Jesus disse tudo....

Angel disse...

Mafalda, é isso mesmo. Mudar outra pessoa só porque a gente quer é impossível, é preciso a colaboração da outra pessoa para isso. E o exemplo, sim, muitas vezes é o melhor que podemos fazer por alguém, mas noutras nem isso resulta. Só resultará quando a pessoa acordar.
Beijinhos.
Angel.

Angel disse...

Oi Zilda querida, muita sábia a sua colocação. Nem Jesus disse tudo, não porque não soubesse mas porque as pessoas não estavam preparadas para ouvir muito do que Ele tinha para dizer.
Obrigada pelo carinho.

Rydi disse...

Amiga foi isso mesmo, vc alterou o endereço do blog e o link que estava salvo no meu blog era o antigo, tive que deletar e adicionar de novo, também queria mudar o meu acho tão longo, como eu não entendia nada (e continuo não entendendo :P) de blogs fiz esse endereço mas eu não sabia que ele iria ser o endereço do blog :/. Como que faz pra mudar?
E sobre o post, vc leu meus pensamentos! eu estava pensando justamente sobre isso, estou passando por uma situação parecida, quer dizer estava, porque eu não tenho paciência pra esse tipo de coisa não, deixa pra lá.

bjsss

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...